Arredondando os quadrados

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, 8 de janeiro de 2010 Dentre as inumeráveis regras que governam a estupidez humana, estas duas, opostas e complementares, são de especial importância para elucidar a conduta de intelectuais, políticos e formadores de opinião em geral: Regra no. 1: Se um

Leia +

Pensem nisso

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, 5 de janeiro de 2010 Um dos traços constantes da vida brasileira é a coexistência de dois tipos de política heterogêneos e incomunicáveis: de um lado, a política “profissional” cuja única finalidade é o acesso a cargos públicos, compreendidos como posições

Leia +

Diferenças decisivas

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, 28 de dezembro de 2009 Ainda esclarecendo o artigo “Armas da liberdade”: Se a política revolucionária continua avançando de vitória em vitória a despeito da revelação de seus crimes e do seu fracasso estrondoso no campo econômico-social, é porque ela é

Leia +

Natal 2009/Christmas 2009

Olavo de Carvalho 23 de dezembro de 2009 Musicalmente, alguns preferem Tristão e Isolda, mas, em matéria de força dramática e riqueza de significado, a ária final de Wotan em As Valquírias, “Leb Wohl” (“Adeus”), é sem dúvida o cume da obra de Richard Wagner. Que é

Leia +

A demolição das consciências

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, 21 de dezembro de 2009 Quem tenha compreendido bem meu artigo “Armas da Liberdade”, deve ter percebido também a conclusão implícita a que ele conduz incontornavelmente: boa parte do esforço moralizante despendido pela “direita religiosa” para sanear uma sociedade corrupta é

Leia +

Armas da liberdade

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, 17 de dezembro de 2009 A coisa mais óbvia, na análise da História e da sociedade, é que, quando a situação muda muito, você já não pode descrevê-la com os mesmos conceitos de antes: tem de criar novos ou aperfeiçoar criticamente

Leia +

Weapons of freedom

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, December 17, 2009 The most obvious thing about the analysis of history and society is that when a situation changes considerably, you can no longer describe it with the same concepts as before: in order to account for unheard-of facts, not

Leia +

O império mundial da burla

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, 14 de dezembro de 2009 “Tutto è burla nel mondo” (Falstaff, na ópera de Verdi) Até umas décadas atrás, o jornalismo refletia a convivência, ora pacífica, ora conflitiva, das três forças que determinavam a sua orientação: o orgulho profissional dos jornalistas,

Leia +

Almas irmãs

Olavo de Carvalho 13 de dezembro de 2009 Acuado pela publicação do original de “Quem é Gurdjieff?”, prova cabal dos crimes que ele e seus cúmplices cometeram contra mim (arts. 139 e 140 do Código Penal, acrescidos do art. 5, inciso IV da Constituição Federal, bem como

Leia +

Geração maldita

Olavo de Carvalho Diário do Comércio, 8 de dezembro de 2009 Todo dia recebo dezenas de cartas de leitores, das quais respondo algumas pelo meu programa “True Outspeak” (www.blogtalkradio.com/olavo, segundas-feiras, às 20h00 do Brasil). As outras ficam sem resposta, não por serem desimportantes, mas por simples impossibilidade

Leia +
Página 59 de 242« Primeira...102030...5758596061...708090...Última »

Veja todos os arquivos por ano