Aurora, de F. W. Murnau (1927): cinema e metafísica

Aurora, de F. W. Murnau (1927): cinema e metafísica

Aula do Seminário de Filosofia (30 jan. 1997). Gravação transcrita por Marcelo Tomasco Albuquerque e editada por Alessandra Bonrruquer. Aurora, de F. W. Murnau (Sunrise, 1927), baseado no romance de Herrman Suderman, Viagem a Tilsit, é para mim o melhor filme do mundo. Quando se vê que o grande Eisenstein

Leia +

O Imbecil Coletivo: O Imbecil do Pires e o meu

Olavo de Carvalho 30 de setembro de 1996 Relembrando o Pires Pires, no caso, não é aquela concavidade, geralmente de louça ou porcelana, em que se apóia a bunda da xícara. É um ser humano, com todos os atributos aparentes da espécie, inclusive o ridículo de nascença.

Leia +

A Nova Era e a Revolução Cultural: Introdução geral à Trilogia

INTRODUÇÃO GERAL À TRILOGIA MANUAL DO USUÁRIO de O Imbecil Coletivo: Atualidades Inculturais Brasileiras e dos volumes que o antecederam: A Nova Era e a Revolução Cultural: Fritjof Capra & Antonio Gramsci e O Jardim das Aflições: De Epicuro à Ressurreição de César – Ensaio sobre o Materialismo e a Religião Civil. Texto lido

Leia +

Pedro Bial entrevista Olavo de Carvalho (Década de 90)

Pedro Bial entrevista Olavo de Carvalho (Década de 90) 18 de agosto de 1996

Leia +

O Imbecil Coletivo: Bandidos & Letrados

Um país acachapantemente previsível Amigos sugerem-me que escreva alguma coisa sobre o caso do banqueiro-cineasta Moreira Salles, que se notabilizou menos como diretor de filmes do que como protetor do traficante Marcinho VP. Seria bom escrever, sim. Na verdade, já escrevi. Escrevi com cinco anos de antecedência,

Leia +

EPICURUS AND MARX

The Garden of Afflictions, Chapter VI, §16-17 Translated by Pedro Sette Câmara §16. Epicurus and Marx Epicurus inverts, as seen on § 10, the logical relationship between practice and theory. If normally theory is the logical basis of practice and if the latter is the exemplification of

Leia +

O Imbecil Coletivo: Nota sobre Charles S. Peirce

O Imbecil Coletivo, 5a. ed., pp. 68-74. E Charles Sanders Peirce gerou William James, que gerou John Dewey, que gerou Richard Rorty, que, desembarcando no Brasil, gerou entre os nativos o maior frisson e confusão mental. Remontemos às origens. Peirce diz que o único significado de uma idéia reside nas

Leia +

O Imbecil Coletivo: Rorty e os animais

RORTY E OS ANIMAIS O Imbecil Coletivo, 5a ed., pp. 60-67. “O erro fala com voz dupla, uma das quais proclama o falso e a outra o desmente; e é um contender de sim e não, que se chama contradição… O erro condena-se, não pela boca do juiz,

Leia +

DESCARTES AND THE PSYCHOLOGY OF DOUBT

Descartes Colloquium, Brazilian Academy of Philosophy Faculdade da Cidade, Rio de Janeiro, May 9th 1996 Translated by Pedro Sette Câmara “La verdad es lo que es y sigue siendo verdad aunque se diga al revés.” (The truth is what is and does continue being the truth even

Leia +

Prólogo de “O Imbecil Coletivo”

PRÓLOGO DE O IMBECIL COLETIVO PRÓLOGO DO PRÓLOGO Quando comecei a redigir estas páginas, não esperava dar-lhes nem mesmo aquela unidade externa e corpórea, que duas capas e uma lombada conferem ao objeto denominado, neste caso mui impropriamente, “livro”, e que a rigor se chamaria antes “volume” ou “bloco”.

Leia +
Página 227 de 231« Primeira...102030...225226227228229...Última »

Veja todos os arquivos por ano